Elogio da mesóclise.

                                                      Elogio da mesóclise.

Arthur Virmond de Lacerda Neto.

21.VII.2017.

A mesóclise é recurso útil do idioma, usável por qualquer pessoa que a conheça, que a queira usar e que zele pela norma culta. O seu uso não “exclui” ninguém, não dificulta a ninguém o acesso à comunicação: basta entender-lhe o funcionamento, aliás, bastante singelo e fácil.

Sim, a mesóclise é de fáceis entendimento e uso. É facílimo intercalar o pronome no verbo, operação de que qualquer pessoa torna-se capaz, uma vez que a aprenda e que treine fazê-lo: aprendê-la e treinar-lhe o emprego são fáceis, ao alcance de qualquer indivíduo de inteligência normal e que, no meu tempo de estudante, aprendia-se com onze anos de idade. As crianças aprendiam a mesóclise.

Leia todo o artigo, em PDF, aqui: Elogio da mesóclise.

 

 

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Língua portuguesa., Mesóclise., Preconceito lingüístico. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s